Vaninha Parreiras  
  corner   



HOME

ARCHIVES


PENSAMENTOS E MENSAGENS QUE FALEM DE POESIA,AMOR,PIADAS, ASSUNTOS GOSTOSOS E SENTIMENTOS QUE FAZEM PARTE DA VIDA DE TODOS.

 

2010/07/12

 


VEJO SEMPRE O QUE GOSTO......


Comentários:

 

Comentários:

 
ANDEI SUMIDA.....ARRUMANDO A CASA INTERIOR.....VOLTANDO AOS POUCOS.......

Comentários:

2010/01/15

 

Comentários:

 

Comentários:

 

Comentários:

 

Comentários:

2009/12/31

 

Comentários:

2009/12/24

 
NATAL: TEMPO DE PAZ, AMOR, ALEGRIA E PORQUE NÃO DE TRISTEZAS, POIS SE NÃO PASSARMOS POR ELAS,
COMO CONSEGUIR TER PAZ, AMOR, ALEGRIA E TUDO O MAIS QUE NOS DESEJAM NESTA DATA.....AFINAL SOMOS
SERES HUMANOS QUE TB TEM FRUSTRAÇÕES, AMARGURAS, INSEGURANÇAS E É JUSTAMENTE AÍ QUE NÓS FUNCIONAMOS
ENTRE ALTOS E BAIXOS POR TODA UMA VIDA, SABENDO DOSAR SEMPRE O QUE HÁ DE MELHOR E PIOR EM NÓS MESMO.

VANIA

Comentários:

2009/11/26

 

Comentários:

 

Comentários:

2009/10/14

 

Comentários:

 

Comentários:

2009/10/06

 

Como surgiu o Dia da Criança

O Dia das Crianças no Brasil foi "inventado" por um político. O deputado federal Galdino do Valle Filho teve a idéia de criar um dia em homenagem às crianças na década de 1920.
Na década de 1920, o deputado federal Galdino do Valle Filho teve a idéia de "criar" o dia das crianças. Os deputados aprovaram e o dia 12 de outubro foi oficializado como Dia da Criança pelo presidente Arthur Bernardes, por meio do decreto nº 4867, de 5 de novembro de 1924.
Mas somente em 1960, quando a Fábrica de Brinquedos Estrela fez uma promoção conjunta com a Johnson & Johnson para lançar a "Semana do Bebê Robusto" e aumentar suas vendas, é que a data passou a ser comemorada. A estratégia deu certo, pois desde então o dia das Crianças é comemorado com muitos presentes!
Logo depois, outras empresas decidiram criar a Semana da Criança, para aumentar as vendas. No ano seguinte, os fabricantes de brinquedos decidiram escolher um único dia para a promoção e fizeram ressurgir o antigo decreto.
A partir daí, o dia 12 de outubro se tornou uma data importante para o setor de brinquedos.

Em outros países
Alguns países comemoram o dia das Crianças em datas diferentes do Brasil. Na Índia, por exemplo, a data é comemorada em 15 de novembro. Em Portugal e Moçambique, a comemoração acontece no dia 1º de junho. Em 5 de maio, é a vez das crianças da China e do Japão comemorarem!

Dia Universal da Criança
Muitos países comemoram o dia das Crianças em 20 de novembro, já que a ONU (Organização das Nações Unidas) reconhece esse dia como o dia Universal das Crianças, pois nessa data também é comemorada a aprovação da Declaração dos Direitos das Crianças. Entre outras coisas, esta Declaração estabelece que toda criança deve ter proteção e cuidados especiais antes e depois do nascimento.


Comentários:

 

Gifs by Oriza - Lindos gifs, poemas, mensagens, recadinhos, scraps

">

Comentários:

 

Gifs by Oriza - Lindos gifs, poemas, mensagens, recadinhos, scraps

">

Comentários:

 

Primavera
Cecília Meireles

A primavera chegará, mesmo que ninguém mais saiba seu nome, nem acredite no calendário, nem possua jardim para recebê-la. A inclinação do sol vai marcando outras sombras; e os habitantes da mata, essas criaturas naturais que ainda circulam pelo ar e pelo chão, começam a preparar sua vida para a primavera que chega.
Finos clarins que não ouvimos devem soar por dentro da terra, nesse mundo confidencial das raízes, — e arautos sutis acordarão as cores e os perfumes e a alegria de nascer, no espírito das flores.

Há bosques de rododendros que eram verdes e já estão todos cor-de-rosa, como os palácios de Jeipur. Vozes novas de passarinhos começam a ensaiar as árias tradicionais de sua nação. Pequenas borboletas brancas e amarelas apressam-se pelos ares, — e certamente conversam: mas tão baixinho que não se entende.

Oh! Primaveras distantes, depois do branco e deserto inverno, quando as amendoeiras inauguram suas flores, alegremente, e todos os olhos procuram pelo céu o primeiro raio de sol.

Esta é uma primavera diferente, com as matas intactas, as árvores cobertas de folhas, — e só os poetas, entre os humanos, sabem que uma Deusa chega, coroada de flores, com vestidos bordados de flores, com os braços carregados de flores, e vem dançar neste mundo cálido, de incessante luz.

Mas é certo que a primavera chega. É certo que a vida não se esquece, e a terra maternalmente se enfeita para as festas da sua perpetuação.

Algum dia, talvez, nada mais vai ser assim. Algum dia, talvez, os homens terão a primavera que desejarem, no momento que quiserem, independentes deste ritmo, desta ordem, deste movimento do céu. E os pássaros serão outros, com outros cantos e outros hábitos, — e os ouvidos que por acaso os ouvirem não terão nada mais com tudo aquilo que, outrora se entendeu e amou.

Enquanto há primavera, esta primavera natural, prestemos atenção ao sussurro dos passarinhos novos, que dão beijinhos para o ar azul. Escutemos estas vozes que andam nas árvores, caminhemos por estas estradas que ainda conservam seus sentimentos antigos: lentamente estão sendo tecidos os manacás roxos e brancos; e a eufórbia se vai tornando pulquérrima, em cada coroa vermelha que desdobra. Os casulos brancos das gardênias ainda estão sendo enrolados em redor do perfume. E flores agrestes acordam com suas roupas de chita multicor.

Tudo isto para brilhar um instante, apenas, para ser lançado ao vento, — por fidelidade à obscura semente, ao que vem, na rotação da eternidade. Saudemos a primavera, dona da vida — e efêmera.

Texto extraído do livro “Cecília Meireles – Obra em Prosa – Volume 1″, Editora Nova Fronteira – Rio de Janeiro, 1998, pág. 366


Comentários:

2009/07/27

 



NADA É IMPOSSÍVEL DE MUDAR

Desconfiai do mais trivial,
na aparência singelo.
E examinai, sobretudo, o que parece habitual.
Suplicamos expressamente:
não aceiteis o que é de hábito
como coisa natural,
pois em tempo de desordem sangrenta,
de confusão organizada,
de arbitrariedade consciente,
de humanidade desumanizada,
nada deve parecer natural
nada deve parecer impossível de mudar.


Bertolt Brecht
In Antologia Poética, Ed Leitura 1977




Comentários:

 

Comentários:

 


As duas faces do narcisismo - Lúcia Palazzo

Narcisismo é um conceito psicanalítico muito rico para nos ajudar a entender as vicissitudes humanas.
Existem dois tipos de narcisismo, aquele tipo fundamental para a constituição do sujeito, que é estruturante para o desenvolvimento e sobrevivência psíquica,
quando a pessoa toma a si mesmo como objeto de cuidado e amor.
E o narcisismo patológico, cujo investimento amoroso voltado para si, aprisiona o indivíduo, sendo uma defesa contra a dor mental originada nas situações de grave risco emocional.
Tal e qual o mito de Narciso, que, ao ver a sua face refletida, apaixona-se pela sua própria imagem, sucumbindo à atração fatal de um suposto outro.
Se refletirmos sobre o ambiente que nos cerca, veremos que vivemos em um mundo que favorece a emergência deste tipo de condição mental,
individualista e solitária, uma vez que encastela as pessoas na arrogância do “eu me basto”.
Atualmente, as pessoas têm dificuldades em se relacionar, seja por falta de tempo, por medo do encontro amoroso, da dependência,
de sentir falta do outro, de viver a intimidade, de sofrer desilusões, de suportar as diferenças, e até mesmo medo de amar.
A escolha por uma vida isolada, voltada só para interesses pessoais, em detrimento da valorização da experiência emocional e da troca afetiva,
implica adoecimento do ser humano.
São escolhas narcísicas em alta na nossa sociedade, cujo mercado empurra as pessoas a preocuparem-se somente com a corrida do melhor desempenho e competitividade,
priorizando a sobrevivência e a autoproteção como preocupações primárias.
Somente em ambientes sociais onde há garantias de reconhecimento, respeito, segurança, e onde as necessidades básicas são atendidas,
é que se torna possível criar espaço para desenvolvimento de laços fraternos, solidários e relações emocionais satisfatórias.

Agosto/setembro-2008



Comentários:

 

Comentários:

 


Sobre o amor - Lúcia Palazzo

Amar é? Alguém sabe a resposta?
Uma coisa é certa, a vida com amor é mais interessante
e vibrante. O amor liberta, transgride, transforma,
impulsiona, torna tudo colorido, seca as mágoas,
cura as dores, traz saúde e beleza, e principalmente
dá sentido a vida. Passamos a existência atrás dessa
química maravilhosa, que nos faz sentir poderosos e
confiantes de que nada nos atingirá.
Acreditar no amor é fundamental, pois amplia as
possibilidades, sem fixação em uma só pessoa, ou seja,
podemos fazer outras escolhas. Mas será que o amor
que precisamos é sempre o de alguém por nós? Ou
podemos buscar esse amor dentro de nós mesmos?
O maior desafio talvez seja o de mantermos o nosso
amor próprio, aquele que compreende ao invés de criticar,
aquele que vê beleza quando refletimos a feiúra,
aquele que suporta a ferida de nos sabermos falhos e
limitados.
A percepção da nossa humanidade, com as nossas
dificuldades e qualidades, pode ser o caminho para
encontrarmos um parceiro amoroso. Facilitando a
aceitação das semelhanças e diferenças que certamente
existirão. Quem não gosta de si, não aceita amar e
ser amado.
Não existe “príncipe encantado” nem “cinderela”,
mas homens e mulheres em busca de uma união
possível. No entanto, o ser amado sempre estará envolvido
por esta áurea de encantamento. O amado é
invariavelmente belo. A capacidade de amar implica
envolvimento profundo com os nossos sentimentos e
vivências e, também, com os do parceiro, favorecendo
o respeito aos limites de cada um. A intimidade
desnuda, mas também fortalece os vínculos, criando a
atmosfera necessária para uma entrega sem cobranças,
uma vez que há conhecimento mútuo.
Como disse Vinicius de Moraes, o amor não é eterno
“posto que é chama”, porém é o melhor remédio
contra as dores da alma, e ajuda a secar a ferida da
percepção da finitude da vida.

Julho de 2008


Comentários:

 

Preciso Me Encontrar
(Marisa Monte)

Deixe-me ir, preciso andar
Vou por aí a procurar
Rir pra não chorar
Quero assistir ao sol nascer
Ver as águas dos rios correr
Ouvir os pássaros cantar
Eu quero nascer, quero viver
Deixe-me ir preciso andar
Vou por aí a procurar
Rir pra não chorar
Se alguém por mim perguntar
Diga que eu só vou voltar
Quando eu me encontrar
Quero assistir ao sol nascer
Ver as águas do rio correr
Ouvir os pássaros cantar
Eu quero nascer, quero viver
Deixe-me ir preciso andar
Vou por aí a procurar
Rir pra não chorar


Comentários:

2009/07/15

 

Comentários:

 


O Poço

Cais, às vezes, afundas
em teu fosso de silêncio,
em teu abismo de orgulhosa cólera,
e mal consegues
voltar, trazendo restos
do que achaste
pelas profunduras da tua existência.
Meu amor, o que encontras
em teu poço fechado?
Algas, pântanos, rochas?
O que vês, de olhos cegos,
rancorosa e ferida?
Não acharás, amor,
no poço em que cais
o que na altura guardo para ti:
um ramo de jasmins todo orvalhado,
um beijo mais profundo que esse abismo.
Não me temas, não caias
de novo em teu rancor.
Sacode a minha palavra que te veio ferir
e deixa que ela voe pela janela aberta.
Ela voltará a ferir-me
sem que tu a dirijas,
porque foi carregada com um instante duro
e esse instante será desarmado em meu peito.
Radiosa me sorri
se minha boca fere.
Não sou um pastor doce
como em contos de fadas,
mas um lenhador que comparte contigo
terras, vento e espinhos das montanhas.
Dá-me amor, me sorri
e me ajuda a ser bom.
Não te firas em mim, seria inútil,
não me firas a mim porque te feres.

Pablo Neruda


Comentários:

 
Escolhas

*Você pode curtir ser quem você é, do jeito que você for, ou viver infeliz
por não ser quem você gostaria.*
*Você pode assumir sua individualidade, reprimir seus talentos e sonhos,
tentando ser o que os outros gostariam que você fosse.*
*Você pode produzir-se e ir se divertir, brincar, cantar e dançar, ou dizer
em tom amargo que já passou da idade ou que essas coisas são fúteis, não
sérias e bem situadas como você.*
*Você pode olhar com ternura e respeito para si próprio e para as outras
pessoas, ou com aquele olhar de censura, que poda, pune, fere e mata, sem
nenhuma consideração para com os desejos, limites e dificuldades de cada um,
inclusive os seus.*
*Você pode amar e deixar-se amar de maneira incondicional, ou ficar se
lamentando pela falta de gente à sua volta.*
*Você pode ouvir o seu coração e viver apaixonadamente ou agir de acordo com
o figurino da cabeça, tentando analisar e explicar a vida antes de vivê-la.*
*Você pode deixá-la como está para ver como é que fica ou com paciência e
trabalho conseguir realizar as mudanças necessárias na sua vida e no mundo à
sua volta.*
*Você pode deixar que o medo de perder paralise seus planos ou partir para a
ação com o pouco que tem e muita vontade de ganhar.*
*Você pode amaldiçoar sua sorte, ou encarar a situação como uma grande
oportunidade de crescimento que a Vida lhe oferece.*
*Você pode mentir para si mesmo, achando desculpas e culpados para todas as
suas insatisfações, ou encarar a verdade de que, no fim das contas, sempre
você é quem decide o tipo de vida que quer levar.*
*Você pode escolher o seu destino e, através de ações concretas, caminhar
firme em direção a ele, com marchas e contramarchas, avanços e retrocessos,
ou continuar acreditando que ele já estava escrito nas estrelas e nada mais
lhe resta a fazer senão sofrer.*
*Você pode viver o presente que a Vida lhe dá, ou ficar preso a um passado
que já acabou, e portanto não há mais nada a fazer, ou a um futuro que ainda
não veio, e que portanto não lhe permite fazer nada.*
*Você pode ficar numa boa, desfrutando o máximo de coisas que você é e
possui, ou se acabar de tanta ansiedade e desgosto por não ser ou não
possuir tudo o que você gostaria.*
*Você pode engajar-se no mundo, melhorando a si próprio e, por conseqüência,
melhorando tudo que está à sua volta, ou esperar que o mundo melhore para
que então você possa melhorar.*
*Você pode continuar escravo da preguiça, ou comprometer-se com você mesmo e
tomar atitudes necessárias para concretizar o seu Plano de Vida.*
*Você pode aprender o que ainda não sabe, ou fingir que já sabe tudo e não
precisa aprender nada mais.*
*Você pode ser feliz com a vida como ela é, ou passar todo o seu tempo se
lamentando pelo que ela não é.*
*A escolha é sua ... E o importante, é que você sempre tem escolha. Pondere
bastante ao se decidir, pois é você quem vai carregar sozinho e sempre o
peso das escolhas que fizer.*
*Pondere bastante ao se decidir, pois é você quem vai carregar sozinho e
sempre o peso das escolhas que fizer.*


Comentários:

2009/07/05

 

Comentários:

 

O mundo inteiro está cheio de pessoas.

Há pessoas caladas que precisam de alguém para conversar.
Há pessoas tristes que precisam de alguém que as conforte.
Há pessoas tímidas que precisam de alguém que as ajude vencer a timidez.
Há pessoas sozinhas que precisam de alguém para brincar.
Há pessoas com medo que precisam de alguém para lhes dar a mão.
Há pessoas fortes que precisam de alguém que as faça pensar na melhor maneira de usarem a sua força.
Há pessoas habilidosas que precisam de alguém para ajudar a descobrira melhor maneira de usarem a sua habilidade.
Há pessoas que julgam que não sabem fazer nada e precisam de alguém que as ajude a descobrir o quanto sabem fazer.
Há pessoas apressadas que precisam de alguém para lhes mostrar tudo o que não tem tempo para ver.
Há pessoas impulsivasque precisam de alguém que as ajude a não magoar os outros.
Há pessoas que se sentem de fora e precisam de alguém que lhes mostre o caminho de entrada.
Há pessoas que dizem que não servem para nada e precisam de alguém que as ajude a descobrir como são importantes.
Precisam de alguém
Talvez de ti ...

Leif Kristiansson

Comentários:

 

Comentários:

 


"Você agora é uma super-mulher no sentido em que sou um super-homem, apenas porque nós temos coragem de atravessar a porta aberta.
Dependerá de nós chegarmos dificultosamente a ser o que realmente somos. Nós, como todas as pessoas, somos deuses em potencial.
Não falo de deuses no sentido divino. Em primeiro lugar devemos seguir a Natureza, não esquecendo os momentos baixos,
pois que a natureza é cíclica, é ritmo, é como um coração pulsando. Existir é tão completamente fora do comum que se a
consciência de existir demorasse mais de alguns segundos, nós enlouqueceríamos.
A solução para esse absurdo que se chama "eu existo",
a solução é amar um outro ser que, este, nós compreendemos que exista."

Clarice Lispector

Comentários:

 

Comentários:

 

Comentários:

2009/06/27

 


Dança como se ninguém estivesse te vendo

Estamos sempre nos convencendo de que a vida será melhor depois...
Depois de terminar os estudos, depois de conseguir trabalho, depois de nos casar, depois de ter um filho e, então, depois de ter outro filho, etc.
Depois nos sentimos frustrados, porque nossos filhos não são grandes, e pensamos que seremos mais felizes quando crescerem e deixem de ser crianças.
Depois nos desesperamos, porque são adolescentes, difíceis de lidar. Pensamos: seremos mais felizes quando saírem dessa fase.
Depois decidimos que nossa vida será completa quando nosso esposo, ou esposa, superar alguma adversidade, quando tivermos um carro melhor,
quando pudermos tirar umas férias, quando conseguirmos uma promoção no trabalho, quando nos aposentarmos.
A verdade é que não há melhor momento para ser feliz do que agora mesmo.
Se não for agora, quando será? A vida está sempre cheia de "depois". É melhor admitirmos isso e decidirmos ser felizes agora,
de qualquer jeito. Não há um depois, nem um caminho para a felicidade. A felicidade é o caminho, e é agora. Entesoura cada momento que vives,
e entesoura-o mais quando o compartilhas com alguém especial, tão especial que o levas em teu coração, e lembra que o tempo não espera por ninguém.
Então, deixa de esperar até que termines a faculdade, até que te apaixones, até que encontres trabalho, até que te cases,
até que tenhas filhos, até que eles cresçam, até que te divorcies, até que percas dez quilos, até sexta-feira à noite ou até domingo de manhã;
até a primavera, até o verão, até o outono ou até o inverno, ou até que morras, para decidir que não há melhor momento do que justamente este para ser feliz.
A felicidade é um trajeto, não um destino. Trabalha como se não necessitasses dinheiro, ama como se nunca te tivessem ferido,
dança como se ninguém estivesse te vendo.

Ronaldo Elias Domingues


Comentários:

 

Comentários:

 


Entrelinhas - Blog: Não. Eu não uso salto alto

E não passava de uma tarde estafante. Fazia calor, um calor fora do normal...
E seguiram do mesmo jeito as tardes seguintes.
Nela já não se importava com esses pormenores. Agora ela estava sozinha, na verdade nunca deixara de estar;
nunca conseguiu confiar em alguém plenamente ao ponto de se sentir acompanhada.
Mas a solidão que ela estava tão habituada estava diferente, ela sentia que agora, realmente, algo estava lhe faltando.
A melhor parte de si, o sorriso mais sincero, a alegria mais singela fora enterrada há uma semana junto com aquele que fora o seu melhor amigo,
melhor parceiro, melhor namorado.
E ficava se perguntando quando se sentiria segura novamente, quando sentiria que no mundo ainda há algum valor.
Ela falava de amor. De amor. Um amor que sempre lhe pertencera, mas sentia que não era seu.
Chorava silenciosamente; a lágrima era o grito mais alto de seu desepero silencioso.
Ela já não tem o melhor de si própria, mas tem o melhor dele.
Ela que sempre procurou razões e explicações para tudo, lembra das promessas que ele lhe fazia:
-Haja o que houver, eu vou sempre, sempre -entendeu bem?!
- sempre vou estar com você.
Hoje ela entende a promessa, não porque consiga explicá-la, mas porque consegue senti-la.


Comentários:

 

Comentários:

 

Viver Despenteada...

Hoje aprendi que é preciso deixar que a vida te despenteie,
por isso decidi aproveitar a vida com mais intensidade?
O mundo é louco, definitivamente louco?
O que é gostoso, engorda. O que é lindo, custa caro.
O sol que ilumina o teu rosto enruga.
E o que é realmente bom dessa vida, despenteia?

- Fazer amor, despenteia.
- Rir às gargalhadas, despenteia.
- Viajar, voar, correr, entrar no mar, despenteia.
- Tirar a roupa, despenteia.
- Beijar à pessoa amada, despenteia.
- Brincar, despenteia.
- Cantar até ficar sem ar, despenteia.
- Dançar até duvid ar se foi boa idéia colocar aqueles saltos gigantes essa noite,
deixa seu cabelo irreconhecível?

Então , como sempre, cada vez que nos vejamos
eu vou estar com o cabelo bagunçado?
mas pode ter certeza que estarei passando pelo momento mais feliz da minha vida.

É a lei da vida: sempre vai estar mais despenteada a mulher que decide ir no primeiro carrinho da montanha russa,
que aquela que decide não subir

Pode ser que me sinta tentada a ser uma mulher impecável,
toda arrumada por dentro e por fora,
O aviso de páginas amarelas deste mundo exige boa presença:
Arrume o cabelo, coloque, tire, compre, corra, emagreça,
coma coisas saudáveis, caminhe direito, fique seria�?�??

e talvez deveria seguir as instruções, mas
quando vão me dar a ordem de ser feliz?
Por acaso não se dão conta que para ficar bonita
eu tenho que me sentir bonita???
A pessoa mais bonita que posso ser!

O único que realmente importa é que ao me olhar no espelho,
veja a mulher que devo ser.
Por isso, minha recomendação a todas as pessoas:
Entregue-se, Coma coisas gostosas, Beije, Abrace,
dance, apaixone-se, relaxe, Viaje, pule,
durma tarde, acorde cedo, Corra,
Voe, Cante, arrume-se para ficar linda, arrume-se para ficar confortável,
Admire a paisagem, aproveite, e acima de tudo, deixa a vida te despentear!!
O pior que pode passar é que, rindo frente ao espelho , você precise se pentear de novo...

(Autoria desconhecida)

Comentários:

 

TERREMOTOS

Dizem que passado o terremoto de Lisboa (1755),
o Rei perguntou ao General o que
se havia de fazer.
Ele respondeu ao Rei:
'Sepultar os mortos,
cuidar dos vivos e fechar os portos'.

Essa resposta simples,
franca e direta tem muito
a nos ensinar.

Muitas vezes temos em nossa vida
'terremotos' avassaladores,
o que fazer?
Exatamente o que disse o General:
'Sepultar os mortos,
cuidar dos vivos e fechar os portos'.

E o que isso quer dizer para a nossa vida?

Sepultar os mortos significa que não adianta
ficar reclamando e chorando o passado.
É preciso 'sepultar' o passado.
Colocá-lo debaixo da terra.
Isso significa 'esquecer' o passado.
Enterrar os mortos.

Cuidar dos vivos significa que,
depois de enterrar o passado,
em seguida temos que cuidar do presente.
Cuidar do que ficou vivo.
Cuidar do que sobrou.
Cuidar do que realmente existe.

Fazer o que tiver que ser feito para
salvar o que restou do terremoto.

Fechar os portos significa não deixar as
'portas' abertas para que novos
problemas possam surgir ou
'vir de fora' enquanto estamos
cuidando e salvando o que restou
do terremoto de nossa vida.
Significa concentrar-se na reconstrução,
no novo.

É assim que a história nos ensina.
Por isso a história é 'a mestra da vida'.
Portanto,
quando você enfrentar um terremoto,
não se esqueça:
enterre os mortos,
cuide dos vivos e feche os portos.


Muitas vezes o caminho que surge a nossa frente não é o
mais conveniente, mas é o melhor.

Comentários:

2009/06/26

 

Comentários:

 


Gente Fina...
Gente fina é aquela que é tão especial que a gente nem percebe se é gorda, magra, velha, moça, loira, morena, alta ou baixa.
Ela é gente fina, ou seja, está acima de qualquer classificação.
Todos a querem por perto.
Tem um astral leve, mas sabe aprofundar as questões, quando necessário.
É simpática, mas não bobalhona.
É uma pessoa direita, mas não escravizada pelos certos e errados:
sabe transgredir sem agredir.
Gente fina é aquela que é generosa, mas não banana.
Te ajuda, mas permite que você cresça sozinho.
Gente fina diz mais sim do que não, e faz isso naturalmente, não é para agradar.
Gente fina se sente confortável em qualquer ambiente: num boteco de beira de estradae num castelo no interior da Escócia.
Gente fina não julga ninguém - tem opinião, apenas.
Um novo começo de era, com gente fina, elegante e sincera. O que mais se pode querer?
Gente fina não esnoba, não humilha, não trapaceia, não compete e,
como o próprio nome diz, não engrossa.
Não veio ao mundo pra colocar areia no projeto dos outros.
Ela não pesa, mesmo sendo gorda, e não é leviana, mesmo sendo magra.
Gente fina é que tinha que virar tendência. Porque, colocando na balança, é quem faz a diferença.
Martha Medeiros


Comentários:

 


MULHER MADURA - VANESSA PENA

Quando resolvi escrever sobre a MULHER MADURA, pensei em mim e em todas as mulheres de trinta, quarenta, cinquenta...
não importa a idade, claro, não desmerecendo as mais novas, até porque, pretendo falar sobre toda vivacidade que elas possuem..
A MULHER MADURA tem um jeito todo especial de ser.
MULHER MADURA não é ventania, ela é ar em movimento. Ela possui uma beleza peculiar que não se iguala a nenhuma outra.
Pena daqueles que não sabem percebê-las!!!

A MULHER MADURA não PEGA, ela TOCA.
A MULHER MADURA não come, ela se ALIMENTA.
A MULHER MADURA não provoca, ela já é PROVOCANTE.
A MULHER MADURA não é inteligente, ela é SÁBIA.
A MULHER MADURA não se insinua, ela mostra o CAMINHO sutilmente.
A MULHER MADURA não se precipita, ela espera o MOMENTO CERTO.
A MULHER MADURA não nada, ela NAVEGA.
A MULHER MADURA não voa, ela FLUTUA.
A MULHER MADURA não pensa em quantidade, ela prefere QUALIDADE.
A MULHER MADURA não vê, ela OBSERVA.
A MULHER MADURA não anda, ela CAMINHA.
A MULHER MADURA não deita, ela ADORMECE.
A MULHER MADURA não é pretensiosa, ela simplesmente se GOSTA.
A MULHER MADURA não julga, ela ANALISA.
A MULHER MADURA não compara, ela ASSIMILA.
A MULHER MADURA não consola, ela ACALENTA.
A MULHER MADURA não acorda, ela DESPERTA.
A MULHER MADURA não coloca algemas, ela os deixa LIVRE.
A MULHER MADURA não enfeitiça, ela ENCANTA.
A MULHER MADURA não é decidida, ela apenas sabe O QUE QUER.
A MULHER MADURA não é exigente, ela é SELETIVA.
A MULHER MADURA não se senti velha, ela se considera EXPERIENTE.
A MULHER MADURA não se lamenta, ela tenta fazer DIFERENTE.
A MULHER MADURA não tem medo, ela tem RECEIOS.
A MULHER MADURA não faz juras, ela deixa por conta do TEMPO.
A MULHER MADURA não tira conclusões, ela faz SUPOSIÇÕES.
A MULHER MADURA "não desce do salto", ela tem "JOGO DE CINTURA".
A MULHER MADURA não brilha, ela é ILUMINADA.
A MULHER MADURA não dá tchau, ela ACENA.
A MULHER MADURA não gosta de ser vigiada, ela prefere ser ESCOLTADA.
A MULHER MADURA não é moderna, ela é ELEGANTE.
A MULHER MADURA não quer ser cobiçada, ela prefere ser DESEJADA.
A MULHER MADURA não possui sombras, ela tem AURA.
A MULHER MADURA não adivinha, ela tem PERCEPÇÃO.
A MULHER MADURA não faz sexo, ela é mestre na ARTE DE AMAR.
A MULHER MADURA não fica, ela se ENVOLVE.
A MULHER MADURA não é fácil, ela é FLEXÍVEL.
A MULHER MADURA não manda, ela ADMINISTRA.
A MULHER MADURA não aflora, ela é um constante FLORESCER.
Enfim, a MULHER MADURA é um conjunto de todas as belezas possíveis. É MULHER sensível, mas ao mesmo tempo uma verdadeira guerreira, é forte,
mas é feminina, porém, muitos não possuem sensibilidade para perceber tal beleza, mas aqueles que descobrem...preferem morrer nos braços dessa tal
mulher, que não é DOCE, mas que, simplesmente é puro MEL.


Fonte: Webartigos.com | Textos e artigos gratuitos, conteúdo livre para reprodução.

Comentários:

2009/04/13

 

Comentários:

 


Comentários:

 


Comentários:

 


Comentários:

 


Amiga, não se vicie no orkut não, heim .....
Um menino era super viciado no orkut, e a mãe dele um dia mandou o menino ir para igreja...
Chegando na igreja, o pastor perguntou pro menino :
- jovem, vc aceita Jesus ?
E o garoto respondeu :
- Só se ele me mandar scrap!!!!



Comentários:

 


Comentários:

 


Comentários:

 



Não мє prєηđαs, 
Soµ coмo ágµα,
Sє prєsα, єvαporo. 

Não tєηtє gµαrđαr -мє. 
Não мє αprisioηє.
Soµ coмo αs florєs, 
Colhiđo fєηєço.
Gµαrđє-мє o pєrfµмє.   

Não мє đєscrєvα. 
Não мє мođifiqµє.
Soµ coмo µм soηho,  
Цмα Ilµsão.   

Não мє αcoмpαηhє,
Não tєηtє sєgµir-мє. 
Soµ µм єηigмα..   

Soµ coмo µм coмєtα,   
solitária.  
Apєηαs αđмirє 
α lµz, єηqµαηto   
hoµvєr..

BLOG PENSAMENTOS, FRASES, MENSAGENS E POESIAS.....



Comentários:

 

Comentários:



This page is powered by Blogger.